BRVR, primeiro congresso de realidade virtual, mostra pioneirismo feminino gamer na tecnologia

O evento BRVR ocorre no dia 16 de julho de 2016 e será o primeiro congresso de realidade virtual no Brasil. O encontro terá três palestrantes que mostram o pioneirismo feminino em VR no nosso país.

Foto: Divulgação

A primeira delas é Ana Ribeiro, desenvolvedora do game Pixel Ripped, o primeiro em realidade virtual brasileiro. Ana participará de uma mesa chamada "Desenvolvimento de Games em Realidade Virtual" às 15h30 com Orlando Fonseca Jr. (IMGNation) e Tiago Ardel Moraes (Ovni Studios). Os três são os principais criadores de jogos para VR no Brasil.

Outra é Marilia Fredini, pesquisadora de novas mídias, que participará de uma mesa chamada "VR – Tecnologia X Plataforma de Mídia". Ela vai discutir com Ricardo Justus, diretor da TV Record, e Felipe Felicio, produtor da NOX Concept Ideas.

A última delas é Camila Ghattas, futurologista e co-fundadora do diip, que falará sobre "O Futuro da Realidade Virtual" com Felipe Coimbra, especialista da Nexus VR, e Ronaldo Gazel, especialista em inovação da Founders Digital.

As três profissionais mostram a influência que as mulheres tem nos games e na inovação digital, um segmento que frequentemente é ignorado pelos desenvolvedores homens do setor.

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Tecnologia