II Encontro de Desenvolvimento de Jogos em Campinas terá palestras de grandes profissionais do mercado

O evento repete o bem sucedido formato com palestras e oficinas oferecidas no encontro de fevereiro.

  • por em 19 de julho de 2018

O Centro Universitário Metrocamp, na cidade de Campinas, em São Paulo, realizará seu II Encontro de Desenvolvimento de Jogos, nos próximos dias 01 e 02 de agosto.

A primeira edição do projeto, realizada em fevereiro deste ano, contou com palestas de três profissionais do mercado e oficinas introdutórias à linguagem dos games. O próximo encontro promete repetir o bem sucedido formato com atividades de renomados acadêmicos e profissionais, como apresentado abaixo.

"Os convidados dessa edição falarão sobre carreira, áreas de atuação, jogos educativos, pesquisa e ensino de jogos", explicou ao Drops de Jogos Felipe Martinelli, desenvolvedor de jogos, professor de computação na faculdade Metrocamp e um dos organizadores do evento. "Além disso, teremos dois workshops que serão realizados no período da tarde. As inscrições são gratuitas para todas as atividades. Também teremos nos dois dias um espaço para exibir jogos depois das palestras", comentou.

Veja abaixo a grade de programação para os dois dias de atividades do encontro:

01/08/2018 
14:00 – 18:00 – Workshop de Unity
19:00 – 20:00 – "Trabalhando com games no Brasil" com Júlia Stateri – Senac e Oficina Lúdica
20:00 – 21:00 – "Dolmen: Ensinamentos de um Projeto com Grande Escopo" com Luiz Henrique de Lima e Gabriel Neves –
Massive Work Studio
21:00 – 22:00 – Espaço para exibição de jogos

02/08/2018
14:00 – 18:00 – Workshop de Game Design
19:00 – 20:00 – "O Mágico Mercado de Jogos" com Charles Barros – PlayKids
20:00 – 21:00 – "Desenvolvimento de Jogos Educativos" com Henrique Alves – Javary Games
21:00 – 22:00 – Espaço para exibição de jogos

O Centro Universitário Metrocamp localiza-se à rua Dr. Sales de Oliveira, 1661, na Vila Industrial, em Campinas.

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.
Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Cultura