Opinião – Censura ao GamerAntifa completa 5 meses com matérias elogiosas e silêncio

Censura vergonhosa

Censura ao GamerAntifa completa 5 meses com matérias elogiosas e silêncio. Foto: Reprodução/Twitter

O advogado Anderson, conhecido como GamerAntifa no Twitter, foi censurado no dia 19 de março de 2021. A censura completou cinco meses.

LEIA MAIS

1 – Editor de conteúdo do Drops de Jogos explicava as inverdades sobre Games e Violência há 10 anos

2 – Acredite se quiser – Brasileiros criam jogo mod de graça baseado na Caverna do Dragão

Antifa foi suspenso porque criticou o streamer Gaules, da Twitch, sobre uma fala preconceituosa dele sobre o Movimento Sem Terra (MST). Fãs do streamer e militantes de direita denunciaram em massa a conta.

O Twitter tirou do ar e não levou em consideração a liberdade de expressão e de crítica.

O Drops de Jogos questionou o Gaules, que bloqueou o editor-chefe que vos escreve.

Portais como Voxel, The Enemy e UOL mantém silêncio sobre o assunto. Seja para abordar o Gaules, o próprio Antifa ou o Twitter.

O jornal Folha de S.Paulo fez uma reportagem sobre o assunto, mas o silêncio se mantém na mídia especializada, que ainda faz uma cobertura elogiosa sobre o streamer sem nem mencionar qualquer controvérsia.

Censura ao GamerAntifa completa 5 meses com matérias elogiosas e silêncio. Foto: Reprodução/Twitter

Seguiremos na cobertura sobre esse caso de censura.

LEIA MAIS NO DROPS DE JOGOS

Saiba os SPOILERS de Resident Evil Village

Resident Evil Database cria Linha do Tempo com games da franquia

Confira os 5 games online mais jogados no mundo em 2021 segundo site

Veja o vídeo da semana acima.

Conheça mais sobre o trabalho do Drops de Jogos acima.

Veja mais sobre a Geek Conteúdo, a produtora da Rádio Geek, parceira do Drops de Jogos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments