Editorial: O agosto das boas notícias do Drops de Jogos. Por Pedro Zambarda

Um mês muito positivo no nosso balanço

O Drops de Jogos

Agosto é conhecido popularmente como o “mês do desgosto”. Apesar da pandemia de coronavírus em 2020, o mês de agosto para o Drops de Jogos foi repleto, sim, de boa notícias.

Elas se concentram, claro, em números. Desde de setembro de 2019, fizemos uma migração para o Portal Uai, do jornal O Estado de Minas. E, desde julho de 2019, abrimos um crowdfunding para financiar entrevistas e conteúdo focado para desenvolvedores de jogos.

As duas iniciativas obtiveram êxito. Os desenvolvedores financiam mensalmente este site para contribuir com a sua estrutura de conteúdo – mantendo sua independência jornalística, importante frisar – e o portal nos estruturou com anúncios de banner. Nas duas frentes, o Drops consegue financiar suas atividades e pensar em projetos de produção de conteúdo de mais fôlego, como o Indie BR em 5, que são 366 vídeos sobre os jogos feitos em nosso país durante este ano de 2020. Antes dessas mudanças, tivemos problemas sérios em nosso servidor antigo (sobrecarga de acessos) e só conseguíamos financiamento eventuais de publicidade e parcerias.

Aos números.

Desde a migração para o Uai, o site soma quase dois milhões de pageviews.

A média de visualizações mensais estava estável em 200 mil. Em agosto, o número subiu para quase quatro vezes acima.

Entre as pautas, ao contrário de muitos sites, não deixamos de abordar questões culturais, sociais e, sim, políticas que envolvem jogos eletrônicos. Eventualmente somos criticados por tocar em temas que o mercado de consumo deixa de lado, mas não abrimos mão desse papel dentro do cenário.

Por isso, e por outras razões, agosto foi um mês muito generoso conosco.

Agradecemos a quem nos lê, apoia, compartilha e acompanha.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.