Artista Pedro “Santo”, da MiniBoss, abriu crowdfunding de sucesso para produzir pixel art

A cena brasileira de jogos digitais é repleta de talentos e é bom vê-los alcançar o sucesso. Pedro "Santo" Medeiros é um dos exemplos. Mineiro de Pouso Alegre, ele é artista junto com a companheira Amora Bettany na MiniBoss. Para dividir seu talento, Santo abriu um Patreon no final de setembro para angariar fundos e desenvolver melhor pixel art.

Foto: Reprodução/YouTube/Kotaku Brasil

Em praticamente dois meses de crowdfunding, ele fez sucesso. Acumulou US$ 619 de 179 doadores em quantias que variaram de um dólar até US$ 10. Os maiores doadores tiveram acesso aos arquivos cru em pixel art, além de terem poder para sugerir temas das produções de Santo.

Nas metas do crowdfunding, Pedro Santo precisava de US$ 150 para produzir um tutorial de gifs por semana, com dicas para desenvolvedores de jogos. O segundo objetivo, de US$ 350, o levou a produzir streams semanais para tirar dúvidas das pessoas.

Os posts do desenvolvedor no Patreon angariam dezenas de curtidas e comentários, reunindo toda a comunidade que desenvolve em pixel art.

Para conhecer melhor o trabalho de Santo, e da MiniBoss, recomendamos que você visite o Patreon e faça a sua contribuição para que ele continue trabalhando com jogos digitais. Também sugerimos duas entrevistas abaixo, uma feita pelo Kotaku Brasil (site que hoje é o Gizmodo Games) e outra do Estadão PME.

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.
Clique aqui e assine nosso canal no YouTube 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Indie