Nintendo Switch bate a marca de 68 milhões de unidades vendidas

Vendeu mais do que NES/Famicom

Nintendo Switch. Foto: Divulgação

Nintendo divulgou nesta quinta (5) seus resultados financeiros para o segundo trimestre do ano fiscal.

Ele terminará em março de 2021. Entre os dados apresentados, a empresa atualizou o número de consoles Nintendo Switch vendidos em todo o mundo. A plataforma híbrida chegou a 68,30 milhões de unidades comercializadas, sendo que 6,86 milhões de unidades foram vendidas nos meses de julho, agosto e setembro de 2020.Com esse resultado, o aparelho superou oficialmente o número de vendas do NES/Famicom, que ficou em 61,91 milhões de peças vendidas em toda a sua vida. Confira a lista atualizada de hardwares da Big N por unidades comercializadas:

  • Nintendo DS: 154,02 milhões
  • Game Boy: 118,69 milhões
  • Wii: 101,63 milhões
  • Game Boy Advance: 81,51 milhões
  • Nintendo 3DS: 75,94 milhões
  • Nintendo Switch: 68,30 milhões
  • Famicom/NES: 61,91 milhões
  • Super Famicom/SNES: 49,10 milhões
  • Nintendo 64: 32,93 milhões
  • GameCube: 21,74 milhões
  • Wii U: 13,56 milhões

No total das vendas do Nintendo Switch calculado no segundo trimestre do ano fiscal vigente, 77,4% equivale a compras do Switch regular (5,31 milhões) e 22,6% é referente ao comércio do Nintendo Switch Lite (1,55 milhão). No levantamento de unidades vendidas desde abril deste ano, a Big N viu um aumento de 80,9% em relação às vendas do mesmo período do ano fiscal anterior, com 12,53 milhões de consoles vendidos. Por esses resultados, a Nintendo alterou sua previsão de quantidade de plataformas vendidas até março de 2022. A companhia japonesa agora acredita que venderá 24 milhões de unidades do Switch até o fim do ano fiscal, um acréscimo de 5 milhões de unidades em comparação com a previsão anterior.

Vimos no Nintendo Blast.

LEIA MAIS – Drops de Jogos discute como falar de games e política

“Metal Gear mistura guerra e narrativa surreal”, disse fã que tem braço biônico inspirado em Big Boss

Tony Hawk’s Pro Skater 1+2 com Charlie Brown Jr, uma resenha

Death Stranding, a resenha em tempos de coronavírus. Por Pedro Zambarda

Conheça o projeto Indie BR em 5

Conheça mais sobre o trabalho do Drops de Jogos acima.

Veja mais sobre a Geek Conteúdo, a produtora da Rádio Geek, parceira do Drops de Jogos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
fabio vinicius

esse é meu menino !!!!!!!

pericles alves berto

switch aos poucos vai batendo recordes