Primeiras impressões de Ace Combat 7 em VR na E3 2017

Por Pedro Zambarda, editor-chefe do Drops de Jogos, com reportagem em Los Angeles (EUA)

Foto: Divulgação

Com previsão de chegada em 2018, Ace Combat 7: Skies Unknown inicialmente era esperado para este ano e foi adiado. Desenvolvido pela Bandai Namco, ele estava disponível para testes nesta E3.

O jogo conserva suas características principais de uma franquia que existe desde 1992. Mas traz boas novidades.

Realidade virtual com exclusividades

Desenvolvido com Unreal Engine 4, ele é uma sequência direta de Ace Combat 6: Fires of Liberation de 2007. O jogo traz missões exclusivas para os portadores de PlayStation VR.

A ideia do novo simulador de voo é de fato mergulhar na realidade virtual fornecendo toda a experiência de game e não somente algumas fases. O título também tem uma pegada multijogador interessante, tanto com co-op quanto múltiplos players locais.

Gameplay simples e satisfatório

Jogamos num PSVR durante a E3 2017. Além do aparelho de realidade virtual confortável, o game exibe com detalhes a mesa de comando de um jato de combate, mostrando exatamente a situação da sua aeronave em direção aos inimigos.

Não senti tanta vertigem ao fazer piruetas no ar. A boa definição dos gráficos do aparelho VR e o conforto do experimento deixaram a experiência no ar tranquila.

Ace Combat 7 foi anunciado na PlayStation Experience 2015 e foi dado como exclusivo do PS4. No entanto, o jogo será multiplataforma para Xbox One e PC Windows.

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.
Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Resenhas