3 sistemas de RPG brasileiros gratuitos e completos para começar a jogar

Vários sistemas já foram disponibilizados no sistema ‘open source’ ou para livre distribuição e podem ser baixados gratuitamente.

  • por em 9 de setembro de 2023

Imagem: 'X' de Marcelo Cassaro - Arte de 3DeT Victory com arte de Erica Awano e cores de Rod Reis

Os fãs de RPG não precisam gastar uma fortuna para se divertir em aventuras de fantasia e outros temas.

Vários sistemas já foram disponibilizados no sistema ‘open source’ ou para livre distribuição e podem ser baixados gratuitamente, exigindo apenas os dados e a imaginação dos jogadores para muitas horas de aventura e diversão.

Veja, abaixo, três sistemas produzidos no Brasil e prontos para baixar e jogar.

3D&T Alpha
Sistema de heróis criado pela equipe da Jambô Editora, inspirado em animes da década de 90 e início dos anos 2000, como Cavaleiros do Zodiaco, Kamen Rider, Dragon Ball Z e outros.
O sistema replica de forma bem-sucedida a experiência de batalha dos animes com instruções simples e práticas para iniciantes.

Download no site da Jambô Editora

Malditos Goblins
Proposta um RPG com pegada cômica, o sistema propõe jogar com personagens Goblins, que morrem com extrema frequência.
O objetivo é interpretar as criaturas maléficas e criar planos ousados para remediar a fraqueza de seu grupo , vencendo os desafios.

Download do material no site da Coisinha Verde

Tagmar 3
O primeiro RPG nacional volta em sua terceira versão.
O projeto foi concebido, desde seu início, para ser desenvolvido de forma semelhante aos Open Source de softwares livres. Todos os integrantes da iniciativa são voluntários.
No RPG brasileiro, criado em 1991, o continente de Tagmar é dividido em três áreas distintas, a Região dos Reinos, as Terras Selvagens e o O Império, com uma temática de fantasia medieval.

Download de Tagmar no site do projeto Tagmar

Fonte: Joga o D20

Imagem: ‘X’ de Marcelo Cassaro – Arte de 3DeT Victory com arte de Erica Awano e cores de Rod Reis

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments