Brasileiros se sagram campeões da 1ª temporada da Overwatch Contenders South America

Release divulgado à imprensa no dia 30 de abril. Ele segue estas diretrizes de divulgação do Drops de Jogos.

Foto: Divulgação

A Brasil Gaming House conquistou o título de campeão do Overwatch Contenders South America, vencendo os argentinos da Isurus Gaming por 4 a 1. A equipe formada por Felipe “Liko” Lebrão, Eduardo “Dudu” Macedo, Mateus “Neil” Kroeber, Renan “Alemão” Moretto, Mauricio Honorato e André “Dehzinho” Pereira se preparam para este confronto e conseguiram um resultado expressivo, levando a Brasil Gaming House novamente ao topo.   

 

Esta final era bastante aguardada, pois as duas equipes disputaram a hegemonia da região nos últimos dois anos, acirrando a rivalidade em todos os torneios que participaram e dominando o cenário da modalidade. Com a expectativa de partidas muito disputadas, a BGH conseguiu fazer prevalecer seu estilo de jogo e abriu o placar contra os argentinos no mapa Oasis. No segundo mapa (Numbani), por uma pequena diferença, a Isurus conseguiu o empate e finalmente, nas três partidas seguintes, a BGH confirmou a vitória.

 

Agora, as equipes se preparam para a 2ª temporada da competição, juntamente com as outras 6 equipes melhores qualificadas durante a temporada regular. Dogma eSports, Vivo Keyd, Encore eSports e Predators eSports deverão disputar o Contenders Trials, enfrentando as 4 melhores equipes da Overwatch Open Division.

 

Para acompanhar as noticias sobre a próxima  temporada, acesse: https://contenders.playoverwatch.com/pt-br/

  

Lançado em maio de 2016 e eleito Jogo do Ano pelo The Game Awards, Overwatch já conta com mais de 30 milhões de jogadores em todo o mundo e está disponível totalmente em português. O preço inicial do jogo dá acesso a todos os heróis e mapas que serão lançados futuramente sem custo adicional. Acesse www.playoverwatch.com para mais informações e para adquirir a versão digital do jogo.

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.
Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Cultura