Mestre Arsenal, um dos maiores vilões do RPG nacional, ganha estatueta de luxo

Personagem é famoso por sua coleção de artefatos apelões e sua dedicação à guerra como forma de auto glorificação.

  • por em 4 de junho de 2016
Imagem: reprodução

Sumo-sacerdote da guerra e o maior vilão de Arton, o Mestre Arsenal ganha estatueta de luxo, digna de seu porte magnânimo.

O personagem do universo de fantasia medieval do RPG nacional Tormenta é famoso por sua coleção de artefatos apelões e sua dedicação à guerra como forma de auto glorificação. O anti-herói foi idealizado pelo roteirista Marcelo Cassaro, também ilustrador e rpgista da "Geração Xerox", que o concebeu como inimigo para o cenário pessoal de campanha, antes mesmo da criação do mundo de Tormenta.

A estatueta foi manualmente esculpida pelo artista Eddie Vieira, da Making Magic, responsável por outras obras do gênero, e traz detalhes como arranhões na armadura de combate e pintura primoroza em duas versões, semelhantes ao personagem original e à arte produzida por André Vazzios para a revista Tormenta nº 01.

O criador Marcelo Cassaro vai numerar e assinar cada uma das 300 cópias do personagem, que será vendido como item de colecionador, por valores nada modestos, entre R$ 690 a R$ 790.

Informações sobre o produto podem ser encontradas no site da Jambô Editora.

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Cultura