Microsoft muda justificativa de demissão da apresentadora da Xbox

O influenciador Capim, do Xbox Mil Grau, disse que recebeu “mimo” da Microsoft

Microsoft demite apresentadora que sofreu ataques machistas na internet. Foto: Reprodução/Twitter

A Microsoft mudou a justificativa sobre a demissão da apresentadora Isadora Basile. Em um comunicado enviado para o IGN americano, a empresa disse o seguinte:

“Não toleramos assédio ou comportamento desrespeitoso de qualquer tipo e agimos para apoiar Isadora quando ataques pessoais contra ela foram denunciados. As mudanças de programação da semana passada não estão relacionadas. Elas são resultado diretos do nosso esforço contínuo para alcançar mais jogadores em mais idiomas com as notícias em tempo real e informações abrangentes em nosso meio de notícias global, Xbox Wire.”

Além da mudança de posicionamento da marca, uma mensagem curiosa chamou atenção nas redes sociais.

O influenciador Capim, do extinto canal Xbox Mil Grau, alega que recebeu um brinde da empresa. Ele postou no Twitter:

“Sei que temos nossas diferenças, mas isso é o que nos faz seres humanos! Pacote lindo, obrigado! @XboxBR”.

O Drops de Jogos procurou a assessoria da Microsoft, que prometeu um posicionamento até sexta-feira (23). O espaço está aberto para esclarecimentos da empresa sobre a demissão e a manifestação de um dos influenciadores do grupo Mil Grau. Esse grupo é criticado por mensagens preconceituosas, acusações de racismo e machismo na rede.

Com informações do Globo Esporte.

ATUALIZAÇÃO, 23 de outubro, 13h40: Em contato por telefone com o Drops de Jogos, a Microsoft esclareceu que não enviou nenhum press kit ao influenciador Capim do antigo canal Xbox Mil Grau.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments