5 games brasileiros de terror que valem ser conhecidos e jogados

Conheça games BR desse gênero

  • por em 10 de junho de 2020

A produção nacional de games tem se ampliado em várias frentes e os jogos do gênero Terror têm conquistado significativa parcela de interesse do público no Brasil e também estrangeiro, que encontra em nossa produção uma rica variedade de elementos narrativos.

Confira cinco projetos recentes desenvolvidos com essa temática por estúdios nacionais que merece sua atenção.

Fobia

O game apresenta um universo com histórias de terror psicológico interligadas, desenvolvidas pelos Marco Majer e Thiago Matheus, do estúdio independente Pulsatrix.

O roteiro insere o jogador na pele do jornalista Roberto que descobre a existência de uma cidade no sul do país chamada Treze Trilhas, onde coisas estranhas estão acontecendo e onde seu pior pesadelo vai ter início.

Com puzzles e elementos narrativos de um intricado quebra-cabeças de informações, cabe ao jogador desvendar a trama.

Uma versão de demonstração do game pode ser baixada diretamente no site do estúdio.

Until Dead

Game free-to-play de estratégia e raciocínio com mecânica baseada em turnos e combate tático.

No jogo, você controla John Mur, um detetive aventureiro e explorador capaz de sobreviver em um mundo caótico infestado por zumbis.

o jogador deve encontrar pistas em uma grande aventura para desvendar esse mistério.
O projeto, que foi vencedor do Indie Prize Seattle 2017 na categoria Melhor Jogo Mobile, tem versão gratuita para dispositivos com sistema Android.

Darkness Paradox

Game em estilo Sobrevivência, Darkness Paradox exige do jogador atenção para evitar as piores coisas que podem acontecer na trama: Morte ou o Colapso, momento em que o personagem entra em Coma e precisa da ajuda de amigos.

O projeto segue em desenvolvimento e, até o momento, não tem data prevista para lançamento.

Informações sobre os desenvolvedores e o game podem ser conferidas na página do estúdio Cortez Productions no Facebook.

Internum

Inspirado em Resident Evil, Clock Tower e Parasite Eve, Internum apresenta uma atmosfera sinistra e enredo cheio de surpresas, capaz de conquistar fãs de games do gênero survival horror.

O estúdio Unbelievable Gameworks está produzindo o projeto utilizando o motor gráfico Unreal Engine, apresentando qualidade sonora e artística promissores.

O game se passa em 1985 e conta a história de Audrey LeMartin, uma exímia investigadora contratada para resolver um misterioso caso na penitenciária de Monte-Castelo.

Internum está em campanha de financiamento por meio da plataforma Apoia.se e conta com chances de receber uma versão para Xbox One, segundo seus desenvolvedores.

Outras informações podem ser acessadas diretamente no site da desenvolvedora.

ENEFN

Fugindo ao padrão de acabamento relista dos motores gráficos de alta performance, ENEFN apresenta um curioso estilo de terror por meio de um visual retrô, com pixedl arte.

A história do jogo se passa em uma escola sinistra, na qual estranhos fenômenos acontecem.

O jogador encarna um do alunos da escola, que deve circular pelos corredores, auxiliando os outros personagens, que estão impossibilitados de se mover.

O desenvolvedor Theago Liddell, responsável pelo projeto, informa que o game contém cenas que podem parecer perturbadoras e não se mostrarem adequadas para crianças ou pessoas emocionalmente suscetíveis.

O jogo tem previsão de lançamento em 2020 e pode ser acompanhado em sua página na loja virtual Steam.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.