Desenvolvedor indie cria game de Pebolim virtual para jogar no Facebook

Profissional de São Paulo com passagem pelo mercado publicitário desenvolve projeto que resgata a diversão dos botecos.

  • por em 28 de novembro de 2015

O desenvolvedor indie Rogério Lima, de São Paulo, disponibilizou esta semana seu projeto pessoal Pebolim 3D. O game, que pode ser jogador através da rede social Facebook, é uma criação independente do jovem, que tem passagem pelo mercado publicitário em empresas de grande porte como a agência Young & Rubicam Brasil, entre outras.

"Depois que um pequeno desastre digital deu um sumiço no projeto do meu game, eu havia parado de mexer com ele. Agora que eu consegui recuperar, vou recomeçar a fazer a versão mobile", escreveu Rogério em sua página no site de relacionamentos.

Simples na jogabilidade e sem grandes retoques estéticos, mas com visual bem acabado, o game deve agradar aos saudosistas do contagiante jogo de mesa encontrado em milhares de botecos do país. No jogo, é possível escolher entre os jogadores Damasceno ou Fátima e botar sua performance de botequeiro em prática. Com movimentos do mouse e um ou dois cliques, você controle o movimento das varas e o chute. A barra de espaços dá o clássico tranco na mesa, trazendo modificações à dinamica da partida, exatamente como os jogos de verdade.

Os assets em 3D criados para o jogo foram criados no software Cinema 4D, como informa o profissional. "Aprogramação [foi criada] usando o Unity 3D engine. Agora posso trabalhar na versão Android", revelou o desenvolvedor, informando que a versão disponível para jogar conta com "algumas poucas modificações cosméticas". Para rodar, o game exige versão atualizada do Java Runtime no navegador.

Para acessar o projeto e se divertir com jogadas de efeito e gols no clássico "Totó", basta acessar a página do aplicativo.

Acompanhe o Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Indie