Garantindo o Greenlight em apenas 10 dias, Tiny Little Bastards recebeu elogios da Sony e chega agora ao Catarse

Além da aprovação recorde no Greenlight, game foi bem avaliado pelos executivos da Sony na GDC.

  • por em 5 de abril de 2016

Tiny Little Bastards, um dos games mais divertidos e bem avaliados da nova safra de indies brasileiros, começa a colher frutos de sua produção e chegará esta semana ao sistema online de financiamento coletivo.

O jogo conta com características que chamaram a atenção do mercado internacional e o feedback de público no sistema Greenlight, da Valve/Steam, deu sinal verde para o projeto em apenas 10 dias. Davi Lisboa, co-fundador da Overlord Game Studio, conversou rapidamente com o Drops de Jogos e falou sobre o momento vivido pelo pequeno estúdio carioca.

"O Tiny Little Bastards é um action RPG sidescroller 2D com referências e inspirações que vieram do estilo de 'Metroidvania' e um sistema de talento e crafting vindos dos RPGs Diablo e World Of Warcraft", explicou, já no início da conversa. "O game conta a história de três irmãos: Ivarr, Ubba e Helga, que têm sua taverna saqueada por uma horda de goblins e agora farão de tudo para recuperar sua amada cerveja".

O projeto começou com a criação de uma engine própria do estúdio, mas a boa aceitação de mercado fez o time de desenvolvedores migrar para uma plataforma com mais facilidade de adaptação aos vários sistemas: "Na BGS 2015, fizemos nosso primeiro contato com o pessoal da PlayStation e do XBox", informou. "Gostaram muito do jogo e assim conseguimos fechar contratos para a publicação nos consoles. Mas para isso, teríamos que migrar para uma engine que fosse compatível com os consoles e, assim, fizemos o porte para a Unity".

A boa receptividade veio ainda não somente da aprovação do público no Greenlight e nos contatos na BGS. "Mês passado, João [Requião, programador do estúdio] foi para São Francisco, Califórnia, para a GDC, pegar o DevKit com a Sony. Lá, teve uma reunião com alguns diretores e eles viram grande potencial no produto", comentou, com entusiasmo.

O game sairá para PCs, PS4, Xbox One e para a loja virtual Steam, com previsão de lançamento para meados de 2017. "Como a equipe é pequena, teríamos dificuldade de manter o prazo original [de lançamento], no segundo semestre desse ano", narrou o desenvolvedor, explicando que o esforço tem compensado: "Desenvolver para múltiplas plataformas é sempre um grande desafio. Cada uma tem suas especificidades, mesmo levando em consideração a razoável facilidade de exportação para diferentes plataformas da Unity. Mas, mesmo assim, produzir um jogo e lançá-lo nessas plataformas é o sonho realizado de qualquer desenvolvedor", finalizou, certo de ter conquistado uma chance sem igual para o estúdio.

O processo de desenvolvimento do jogo pode ser acompanhado diretamente no devblog do estúdio Overlord e a campanha de financiamento coletivo para o game no Catarse se inicia no próximo dia 07 de abril. Para apoiar o projeto, acesse a página através desse link.

Acompanhe o Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Indie