Activision quase lançou MMO baseado em Guitar Hero

Em Hero World o jogador deveria criar uma boate online e competir com outros DJs.

  • por em 18 de abril de 2016
Imagem: frame de vídeo

O canal de vídeo Unseen64 trouxe a curiosa revelação sobre o 'quase' lançamento de Hero World, proposta da Activision para o universo online, que pretendia estender os games de música da franquia Guitar Hero como um MMO para múltiplas plataformas.

A produção do game ficou a cargo do estúdio Virtual Fairground, desenvolvedora holandesa sediada em Amsterdã, criadora de um bem sucedido projeto do gênero denominado Club Galactik. A empresa trabalhou em parceria com a Freestyle Games, produtora de DJ Hero. A intenção das empresas residia em criar um jogo para todos os tipos de consoles, permitindo a jogadores de diferentes plataformas competirem entre si. Além dos aparelhos concorrentes, os jogadores poderiam optar pelo uso de navegadores de internet e por meio de jogos como Guitar Hero 7, DJ Hero 3 e os futuros títulos para Band Hero.

Mais do que um MMO, o projeto estava sendo pensado como uma nova plataforma para players entusiastas de música e dança, explicam os criadores do canal de vídeo. As competições no game envolveriam disputas de dança, com o uso de combos para desafios entre jogadores um a um ou em grupos de 3 performers digitais. Os usuários também seriam capazes de publicar suas composições musicais no sistema, ganhando créditos no jogo. No aplicativo do Facebook, a mecânica do jogo focaria na administração e economia da casa noturna virtual, decorando o ambiente, organizando festas e contratando bandas, entre outras ações.

O game permaneceu em produção por aproximadamente 5 meses, do final de 2010 ao início de 2011, quando o desinteresse do público nos games musicais e a queda nas vendas levou a Activision a descontinuar a franquia DJ Hero. A desenvolvedora holandesa jamais conseguiu aproveitar a produção do game em outros projetos e, após problemas com o projeto Club Galactik, foi à falência, em 2012.

Assista abaixo ao vídeo na íntegra.

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Indústria