Investidores também passam a processar a Activision Blizzard

Depois das acusações de assédio, ações da empresa caíram

Sede da Blizzard nos Estados Unidos. Foto: Divulgação

Um novo processo na Justiça foi aberto contra a Activision Blizzard.

Os autores agora são os investidores da empresa. Processo alega que a Activision Blizzard deixou de comunicar os problemas quanto a assédio e discriminação de dentro da empresa com a intenção de inflar as ações, ou seja, que enganou os investidores para que eles continuassem a aplicar verba mesmo com a crise interna na empresa.

Eles pedem indenização por danos a todos que negociaram ações da Activision Blizzard entre 6 de agosto de 2016 e 27 de julho de 2021, alegando violação de leis de segurança nacional por terem dado declarações falsas e enganosas durante o período estipulado. Além de acusar a empresa como um todo, o processo especifica os nomes do CEO Bobby Kotick, o chefe de operações financeiras Dennis Durkin e seu antecessor, Spencer Neumann. Desde que o problema foi levado à público em 21 de junho de 2021, as ações da empresa começaram a diminuir.

As informações são do Kotaku.

Vimos no Jovem Nerd.

LEIA MAIS – Saiba os SPOILERS de Resident Evil Village

Resident Evil Database cria Linha do Tempo com games da franquia

Confira os 5 games online mais jogados no mundo em 2021 segundo site

Veja o vídeo da semana acima.

Conheça mais sobre o trabalho do Drops de Jogos acima.

Veja mais sobre a Geek Conteúdo, a produtora da Rádio Geek, parceira do Drops de Jogos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments