Mudança do nome de Pikachu gera protestos em Hong Kong

Problema acontece em razão da mudança do idioma Cantonês para o Mandarim.

  • por em 31 de maio de 2016
Imagem: reprodução

Um grupo de fãs se reuniu em Hong Kong para protestar contra a mudança do nome de Pikachu, um dos mais famosos personagens da saga Pokémon e ícone da cultura pop.

O problema, aparentemente, foi gerado em razão da utilização do Mandarim Chinês na tradução dos próximos games da série, o que vai resultar na mudança de nomes para aproximadamente 100 criaturas do game, incluindo o roedor amarelo.

Anteriormente, a Nintendo utilizava o Cantonês, língua falada pela maioria da população de Hong Kong. Com a mudança,  o personagem, até então traduzido como “Beikaaciu”, passar a ser chamado de “Pikaqiu”, para indignação dos gamers asiáticos.

Uma petição foi movida solicitando recuo da decisão da Nintendo e já conta com mais de 6 mil assinaturas. Até o momento, no entanto, a empresa vem ignorando a solicitação, segundo o South China Morning Post.

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.

Fonte: Play Replay

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Indústria