“Movimento natural”, dizem fundadores do Jovem Nerd sobre posicionamento político em 2022

Entrevista ao Drops de Jogos

Jovem Nerd

Jovem Nerd. Foto: Divulgação

Esta entrevista foi publicada originalmente em 20 de maio de 2023. A dupla criadora do site se posicionou contra a reeleição do ex-presidente Jair Bolsonaro no ano passado.

Em abril de 2023, o site Jovem Nerd, um dos pioneiros do conteúdo geek e nerd no Brasil, completou 21 anos. A empresa agora é parte do Grupo Magazine Luiza [Magalu] como produtores de conteúdo, ao lado do Canaltech e de outros hubs de notícia. Com exclusividade ao Drops de Jogos, Deive Pazos e Alexandre Ottoni falam sobre o game que estão desenvolvendo.

O jogo sobre o livro Ruff Ghanor, personagem criado em partidas de RPG em podcast deles, está sendo desenvolvido em parceria com a empresa brasileira DX Gameworks.

Confira abaixo a entrevista com Deive e Alexandre.

Drops de Jogos: Como está o trabalho do game de vocês com a DX Gameworks?

Deive Pazos e Alexandre Ottoni: O jogo é um Roguelike deckbuilder baseado em nosso universo fantástico medieval de Ghanor. Já foram desenvolvidos os diferentes decks de personagens, pontos de fé e milagres (que serão poderes especiais de Ruff Ghanor).

Já está chegando ao Alpha, com as principais mecânicas implementadas, e estamos começando a trabalhar no conteúdo. É um sonho ver algo tão especial para nós nascendo. O time todo da DX Gameworks é muito apaixonado pelo projeto e está empolgadíssimo com o progresso! Em breve teremos mais notícias!

DJ: Como foi a mudança na produção de conteúdo de vocês, com a equipe agora nos Estados Unidos e não mais aquela estrutura pré-Magalu? Vocês já se acostumaram com essa mudança do Brasil para o exterior?

DeA: Na verdade, a gente já trabalha há muitos anos, bem antes da pandemia ou da Magalu. Durante mais de uma década nós moramos em Curitiba enquanto nossa equipe e prestadores estavam espalhados pelo Brasil e pelo mundo.

DJ: No período eleitoral, vocês se posicionaram politicamente, o que é raro no cenário geek e nerd. Fizeram mais: transformaram a política em pautas geeks e nerds. Vocês pretendem fazer mais conteúdos assim daqui para frente?

DeA: Sempre falamos sobre história, comportamento, ciência, portanto foi um movimento natural tomar uma posição política mais presente diante de tantos ataques à democracia e negação científica nos últimos anos. Nossa abordagem de temas sociais continuará, é claro, uma vez que nossa própria posição política se tornou mais clara, até para nós mesmos, e entendemos que temos que oferecer nosso conteúdo com pensamento crítico e responsabilidade.

Está presente em tudo o que fazemos, mesmo que estejamos falando sobre cultura de entretenimento.

DJ: Como está o desempenho dos outros podcasts além do Nerdcast, como Caneca de Mamicas e outros?

DeA: O Jovem Nerd é uma das maiores produtoras de podcast do país. Nós lançamos semanalmente 5 episódios novos dos seguintes programas: Nerdcast, Caneca de Mamicas, Lá do Bunker, Mau Acompanhado, além dos programas que desenvolvemos para marcas como o Papo de Parceiro, Nerdtech para a Alura, o Generacast para Genera e o Expresso Empreendedor para o Grupo Wiser.

O Nerdcast é o de maior audiência com certeza, com mais de 1 milhão de downloads semanais (boa parte desses downloads direto no nosso site e app), mas os demais têm uma ótima performance, audiência qualificada e diversificada como público feminino, audiência mais jovem ou até mesmo furando a bolha Nerd com pautas mais inclusivas ou temas como futebol, reality show e até fofoca.

Mas acho interessante destacar os programas que desenvolvemos para marcas, os Tailor Mades como chamamos. Eles se beneficiam das vantagens do formato podcast para se comunicar com audiências super nichadas em temas como empreendedorismo, programação ou varejo e marketplace, como é o caso do papo de Parceiro que é um podcast mensal desenvolvido para o Magalu marketplace com objetivo de comunicar e levar conhecimento aos sellers da plataforma em como aumentar performance de vendas e como se comunicar melhor com seus clientes.

O programa tem uma média de 100 mil downloads por episódio.

LEIA MAIS

1 – Pedro e Paulo Zambarda dão suas impressões sobre One Piece Odyssey e The Legend of Zelda: Tears of Kingdom

2 – Sangue, Suor e Pixels é o melhor livro sobre história de desenvolvimento de jogos. Por Pedro Zambarda

Jovem Nerd

Jovem Nerd. Foto: Divulgação

DJ: Mais de um bilhão de downloads no Nerdcast. 11 prêmios. O que vocês mais buscam com esse formato de comunicação?

DeA: O Nerdcast hoje é nossa fábrica de ideias. Semanalmente, usamos esse espaço precioso para trocar experiências, falar do cotidiano, da cultura pop, de ciência, tecnologia e história. A gente busca se divertir e informar. Mas nos nossos programas especiais de RPG é onde a mágica acontece.

Foi através do Nerdcast que nós acumulamos conhecimento sobre edição e desenvolvemos nossas propriedades intelectuais e é esse é nosso objetivo principal: contar histórias! Seja em áudio como em França e o Labirinto, série que estamos produzindo para o Spotify com Selton Mello como protagonista, seja em jogos ou até séries e filmes.

LEIA MAIS NO DROPS DE JOGOS

Veja os vídeos da semana acima.

Conheça mais sobre o trabalho do Drops de Jogos acima.

Veja mais sobre a Geek Conteúdo, a produtora da Rádio Geek, parceira do Drops de Jogos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments