Estúdio de Life is Strange recebe investimento da gigante chinesa Tencent

China nos games

Tencent

Tencent. Foto: Divulgação/Twitter

Estúdio Dontnod Entertainment, de Life is Strange e Tell Me Why, anunciou na última quarta (27) que fechou um acordo de financiamento de 30 milhões de euros com a Tencent.

A empresa chinesa também ganha uma sociedade minoritária e posição na diretoria do estúdio. Esse financiamento, de acordo com a produtora, tem como objetivo melhorar a estratégia de trazer mais independência para distribuir seus próprios games: “Os fundos recebidos serão usados principalmente para acelerar a estratégia da Dontnod de desenvolver e publicar por conta própria novas propriedades intelectuais pelo mundo no PC, consoles e plataformas mobile, tomando total vantagem de tendências positivas dentro da indústria para criadores de renome internacional e games originais”.

Nos últimos anos, a Dontnod formou parceria com a Microsoft para a distribuição de Tell Me Why (confira o review!), Focus Home Interactive com Vampyr (confira outro review!), e distribuiu por conta própria Twin Mirror após um acordo inicial com a Bandai Namco. Além disso, a empresa fundou um novo estúdio em Montreal formado por desenvolvedores de Life is Strange, que trabalha em uma propriedade intelectual inédita. Além disso, Emily Rogers, conhecida por ter fontes confiáveis na indústria de games, indica que o estúdio não fará mais títulos da franquia, e que ela ficaria aos cuidados da produtora Deck Nine, da prequel Before the Storm.

“Seguindo em frente, a Deck Nine lidará com todos os games relacionados a Life is Strange”, escreveu. “A Square e a Dontnod seguiram por caminhos separados há muito, muito tempo atrás. Teve muito pouco a ver com este acordo com a Tencent.”

A Tencent tem feito diversos investimentos em estúdios pelo planeta, incluindo a Platinum Games, de NieR Automata e Bayonetta, e a Otherside Entertainment com System Shock 3.

Vimos no The Enemy.

LEIA MAIS – Filho de catador de latinhas emociona jogador em partida de Free Fire

Mantendo a sanidade mental em tempos de pandemia. Por Thais Chioqueti, psicóloga

Opinião – Sim, Hideo Kojima é um desenvolvedor de jogos de esquerda. Por Pedro Zambarda

Veja o vídeo da semana acima.

Conheça mais sobre o trabalho do Drops de Jogos acima.

Veja mais sobre a Geek Conteúdo, a produtora da Rádio Geek, parceira do Drops de Jogos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments