Sony quer ter mais jogos cross-play

Mudança de paradigma

Sony. Foto: Divulgação

Uma exposição durante a ação legal entre a Epic Games e a Apple mostrou que a Sony cobra pelo suporte cross-play e além de tudo recebe royalties dos parceiros.

Considerando esses fatos, a empresa japonesa parece estar reconsiderando sua conduta em relação a mais jogos com suporte ao cross-play.

Na entrevista dada ao site Axios, Jim Ryan, presidente da SIE, disse “nós apoiamos e encorajamos o cross-play”, e completou usando como exemplo jogos como Fortnite, Rocket League, Minecraft, Call of Duty. Ryan também lembrou de Destiny 2, que também ganhará suporte ao cross-play em breve. Jim Ryan preferiu não se pronunciar a respeito do que Randy Pitchford, CEO da Gearbox, disse recentemente. Pitchford fez um tweet confuso apontando que Borderlands 3 só não tem cross-play no PlayStation por conta de políticas da Sony. Ryan apenas disse que não comentaria sobre um “problema comercial com um parceiro de longa data”.

Vimos no IGN Brasil.

LEIA MAIS – Conheça 17 empresas que estão definindo o futuro dos games brasileiros

Fatec’s Out é o game brasileiro de 2020 segundo a pesquisa Drops de Jogos/Geração Gamer

Opinião – Death Stranding é sobre futuro; Cyberpunk 2077 é passado. Por Pedro Zambarda

Veja o vídeo da semana acima.

Conheça mais sobre o trabalho do Drops de Jogos acima.

Veja mais sobre a Geek Conteúdo, a produtora da Rádio Geek, parceira do Drops de Jogos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments