Testamos o SpatialLabs View, o “VR sem óculos” da Acer. Por Pedro Zambarda

Tecnologia confortável para quem usa óculos de grau ficar mais imerso no jogo

Testamos o SpatialLabs View, o "VR sem óculos" da Acer

Testamos o SpatialLabs View, o "VR sem óculos" da Acer. Foto: Drops de Jogos

Por Pedro Zambarda, editor-chefe do Drops de Jogos.

Ele não aparece nas fotos que tiramos, mas o SpatialLabs View é a “realidade virtual” sem a necessidade de óculos focados em VR da Acer. Com a ajuda de duas câmeras que fazem o objeto “saltar” da tela de um notebook gamer, a nova tecnologia da marca de computadores e periféricos também imita as texturas dos objetos.

A Acer disponibilizou esse recurso para a imprensa testar durante a Brasil Game Show 2022, a BGS, e nos convidou.

Jogando Forza Horizon no PC, a impressão que se tem com a SpatialLabs é de imersão no game de corrida realista, com a traseira do carro praticamente no seu colo. Você fica envolvido na experiência sem a necessidade de ter aparelhos especiais além das câmeras que produzem o efeito desejado.

A tecnologia é boa especialmente para quem utiliza óculos de grau como eu. Em quase todas as experiências com óculos de VR, o meu ficou “preso” no periférico. SpatialLabs View vem ai para tornar a experiência mais confortável.

LEIA MAIS

1 – K-Pop: Manual de Sobrevivência, uma resenha. Por Pedro Zambarda

2 – Documentário Loading, uma resenha. Por Pedro Zambarda

Testamos o SpatialLabs View, o "VR sem óculos" da Acer

Testamos o SpatialLabs View, o “VR sem óculos” da Acer. Foto: Drops de Jogos

Testamos o SpatialLabs View, o "VR sem óculos" da Acer

Testamos o SpatialLabs View, o “VR sem óculos” da Acer. Foto: Drops de Jogos

De acordo com a própria Acer no começo de 2022, a tecnologia “não é destinada apenas a criadores altamente qualificados. Essa geração de dispositivos traz tecnologia 3D estereoscópica sem óculos para gamers e entusiastas de entretenimento doméstico também”.

Para a visualização nítida do 3D, é necessário ficar com a postura fixa do olhar no computador. Movimentos bruscos tendem a deixar a imagem desfocada para quem está utilizando a ferramenta.

O preço sugerido da tecnologia é de US$ 1099, cerca de mais de R$ 5 mil na conversão direta.

LEIA MAIS NO DROPS DE JOGOS

Opinião: BGS 2022 teve jogo indie com estande próprio e até com o TikTok

Veja os vídeos da semana acima.

Conheça mais sobre o trabalho do Drops de Jogos acima.

Veja mais sobre a Geek Conteúdo, a produtora da Rádio Geek, parceira do Drops de Jogos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments