Memory Card: Insanidade, game de terror brasileiro [GameStorming – Dez/2013]

  • por em 20 de julho de 2023

Imagem: reprodução

Os games de terror psicológico vêm trabalhando com as apreensões dos jogadores desde o PS1, com Resident Evil (ou The 7th Guest, para PC, se você quiser voltar mais alguns anos) e sempre fizeram muito sucesso entre o público brasileiro.

Com o crescimento da produção de games no país, a partir da segunda década do milênio, foi natural que os desenvolvedores nacionais desejassem trazer o tema para suas criações, como já comentado aqui no site há 8 anos.

Abaixo, reproduzimos um artigo do GameStorming, que resgata a produção de Insanidade, do desenvolvedor Simperson Cruz.

Sem saber programar, jovem cria segundo game de terror com engine livre

Os jogos brasileiros já vem ganhando destaque no exterior, a exemplo do projeto Insanidade, que explora uma trama de mistério em um ambiente opressor, construído em 3D. A criação, no entanto, é resultado do trabalho de um jovem que, até pouco tempo atrás, sabia produzir jogos.

O criador do jogo, Simperson Cruz, não possuía nenhuma experiência em desenvolvimento de jogos ou em programação. Como explicou o jovem, sua dedicação teve início com os estudos do sistema BGE, o Blender Game Engine, com o qual foi aos poucos aprendendo sobre o desenvolvimento de jogo. Simperson acabou criando três jogos puramente experimentais, para aprender mais sobre o assunto e, como afirmou o desenvolvedor “fins didáticos”.

Um desses projetos era o game Insanidade, que obteve boa aceitação entre amigos e a comunidade brasileira.

Com um ambiente macabro que lembra clássicos como Sillent Hill e Amnésia, o jogo alcança o nível do terror psicológico por meio de uma história relativamente simples: o protagonista vasculha um local inóspito e sinistro em busca do assassino de sua mulher.

Hoje, Simperson já avalia trabalhar na criação de Insanidade 2, mas não possui uma data de lançamento.

Atualização: Em quase 10 anos, muitos bons games de terror, nacionais e estrangeiros, já ganharam a atenção de público e mídia, mas o aguardado Insanidade 2 acabou não chegando às lojas online. Uma página no Facebook traz algumas informações do projeto, que foi renomeado como Distress, mas as atualizações mais recentes datam de 2020. Como chegou a assumir à época o designer do jogo, produzir jogos independentes no Brasil não é das tarefas mais fáceis, o que permite compreender a ausência do novo título.
Curiosamente, o projeto original permanece, ainda hoje, disponível para download na rede, e pode ser acessado por meio desse link.

Imagem: reprodução

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments